Inspetoria Madre Mazzarello

Dom Bosco - Nosso dom é Educar

João Melchior Bosco, mais tarde conhecido como Dom Bosco, nasceu num lugar pequeno chamado Becchi, perto da grande de Turim, no norte da Itália, aos 16 de agosto de 1815. Filho de uma família de agricultores pobres foi camponês, estudante, aprendiz de vários ofícios, padre, educador e santo.
O Espírito Santo deu-lhe especial sensibilidade para captar, mediante várias experiências, a situação difícil e os perigos em que se achavam os jovens de seu tempo. Ele resolveu dedicar sua vida àquela multidão de jovens pobres, desempregados, famintos que perambulavam pelas ruas de Turim.
Dom Bosco, desde o início, envolve muitas pessoas com o seu testemunho e a novidade do seu trabalho; gente das mais diversas classes sociais se junta a ele; atrai para a sua obra homens e mulheres que o ajudam a dar catecismo, a levantar escolas e oficinas, a animar o pátio, a colocar os mais necessitados junto de um patrão honesto. Com eles dá origem a grupos e formas ocasionais de cooperação.
Quando sente a necessidade de acolher alguns jovens em casa, cria uma família com a colaboração de Mamãe Margarida, com quem compartilha o governo da casa. O seu plano é a união de todos os "bons" e o alargamento máximo da colaboração. Sonha essa colaboração, propõe-na, começa a realizá-la com convites orais, amizade e cartas.
Chega logo a convencer-se da necessidade dos "Religiosos Consagrados", e não só porque a continuidade da obra exigia pessoas inteiramente disponíveis aos jovens, mas pela qualidade "religiosa" da educação que tanto desejava. Não se tratava só de livrar os jovens da situação de pobreza econômica ou de prepará-los para a vida com os estudos e aprendizagem de um ofício, nem sequer só de educar o senso religioso ou a consciência, mas de fazê-los encontrar Jesus Cristo vivo através da graça da fé, da vida sacramental e da participação na vida da Igreja.
Encontrou em Cristo, Bom Pastor, toda a inspiração para sua ação educativa e evangelizadora. Por sua estatura de santo, Dom Bosco coloca-se com originalidade entre os fundadores de Institutos Religiosos na Igreja.


Salesianos de Dom Bosco

No dia 18 de dezembro de 1859 dezessete jovens aderiram à Sociedade de São Francisco de Sales, fundada por Dom Bosco. Entre os primeiros salesianos, a maioria era composta de clérigos, isto é, jovens destinados ao sacerdócio. Mas havia também leigos, chamados coadjutores, religiosos com os mesmos direitos dos clérigos e vivendo em comunhão fraterna, dentro da mesma Sociedade.

Os Salesianos de Dom Bosco em todo o mundo são atualmente 15.952 com os bispos e noviços. Estão presentes nos cinco continentes, especificamente em 130 países. Trabalham concentrados em Regiões, Inspetorias e Presenças (Casas). As Regiões são 8, as Inspetorias 91.